OPORTUNIDADE DE BOLSA JOVEM PESQUISADOR

O Instituto de Zootecnia torna pública a abertura de inscrições para candidatura de uma Bolsa Jovem Pesquisador na área de Nutrição e Produção de Ruminantes, a ser desenvolvido na Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios - Polo Regional Alta Mogiana, Colina/SP. A missão do Instituto de Zootecnia/APTA é desenvolver e transferir tecnologia e insumos para a sustentabilidade dos sistemas de produção animal, buscando inovações tecnológicas para promover a produtividade, qualidade e diversidade da produção. Procura-se um Jovem Pesquisador interessado em desenvolver projeto de pesquisa que se enquadre no tema “Impriting metabólico na determinação de planos nutricionais e sua influência na percepção do consumidor na qualidade da carne de bovinos Nelore em condições tropicais”. A bolsa, com duração de 24 meses, será financiada pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) e vinculada ao Plano de Desenvolvimento Institucional de Pesquisa (PDIP - Processo: 2017/50339-5). O candidato selecionado receberá uma Bolsa Jovem Pesquisador da FAPESP no valor de R $ 8.152,20 mensais e isenta de imposto de renda. O projeto Jovem Pesquisador selecionado, revisado por pares, poderá receber um Auxílio Pesquisa, conforme descrito em http://fapesp.br/pt/4479.

O candidato deve ter doutorado em Zootecnia ou áreas afins, com experiência em nutrição de bovinos de corte à pasto, avaliação de carcaça e qualidade de carne. O candidato deverá desenvolver um projeto relacionado ao tema proposto, auxiliar na orientação e coorientação de alunos, colaborar com outros pesquisadores do instituto no desenvolvimento de projetos na instituição sede, auxiliar na redação e revisão de trabalhos científicos do grupo de pesquisa e trabalhar em ações que visem a transferência de tecnologia e conhecimento.

Para a referida vaga é necessário que o candidato preencha os seguintes requisitos:
- Possuir doutorado em Zootecnia ou áreas afins;
- Possuir Pós-doutorado em Nutrição e Produção de ruminantes (mínimo de 24 meses);
- Experiência internacional com desenvolvimento de projeto de pesquisa no exterior (mínimo de 12 meses);
- Experiência comprovada em: Pesquisas com produção de bovinos de corte à pasto; Experiência na área de qualidade de carcaça e carne; Utilização de ferramentas estatísticas para estudos em animais; Processamento e análises de dados (meta-análise); Organização de eventos e transferência de tecnologia e; Coorientação de estudantes de graduação, mestrado e doutorado.
- Habilidade em trabalhar de forma independente e em colaboração com grupo de pesquisa multidisciplinar, apresentando contato com pesquisadores que possam efetivamente participar do projeto;
- Conhecimento da língua inglesa para leitura, redação científica e conversação;
- Apresentar produção científica de alto impacto na área do projeto proposto.

Os documentos para inscrição são:
- Súmula curricular nos modelos da FAPESP (máximo de 4 páginas – http://www.fapesp.br/en/6351);
- Carta de motivação evidenciando os pré-requisitos exigidos (máximo de 200 palavras);
- Três cartas de recomendação;
- Proposta de pesquisa relevante para o tema proposto (máximo de 300 palavras).

O currículo dos candidatos, com experiência comprovada nos tópicos descritos acima, e a proposta de pesquisa apresentada, são elementos-chave no processo de seleção. Os documentos deverão ser enviados eletronicamente (em um único PDF) para a comissão avaliadora, pelo e-mail pdip@iz.sp.gov.br, com o título “Jovem Pesquisador”. Qualquer dúvida ou esclarecimento sobre o referido edital, entrar em contato com a pesquisadora responsável através do e-mail pdip@iz.sp.gov.br. O candidato receberá um e-mail informando se foi pré-selecionado até 15/08/2018. Os candidatos pré-selecionados deverão submeter um projeto de pesquisa completo para pdip@iz.sp.gov.br e a decisão final será postada em http://www.iz.sp.gov.br/ pela comissão avaliadora.